Guia para loiras: como recuperar cabelos danificados

Guia para loiras: como recuperar cabelos danificados

A gente sabe que cuidar do loiro é uma tarefa árdua, principalmente quando não temos ajuda de um profissional ou pouco tempo para dar atenção aos fios.

Por isso preparamos um GUIA COMPLETO PARA LOIRAS pra te ajudar nessa missão.

Guia para loiras: como recuperar cabelos danificados

Guia para loiras: como recuperar cabelos danificados

Para todos os quesitos, prevenir é melhor que remediar, principalmente quando o assunto é cabelo e LOIRO.

Esse tipo de fio está mais propenso a quebra, visto que parte da queratina essencial para manter ele saudável, é perdida com a descoloração ou com a tintura.

1. Faça um diagnóstico

Um dos testes mais fáceis para identificar a porosidade do seu cabelo é o teste do copo d’água. Puxe um fio de cabelo do couro cabeludo, ou retirei da sua escova ou pente, e deposite em um copo d’água transparente.

Fio de cabelo flutuou

Caso o fio de cabelo tenha ficado na superfície da água, a porosidade dele está baixa, ou seja, as cutículas estão devidamente fechadas e o cabelo está precisando apenas de hidratação.

Fio de cabelo no meio da água

As cutículas do cabelo estão em ordem. O fio consegue absorver os tratamentos corretamente, por isso quando ele está assim, você deve focar em um máscara nutritiva.

Fio de cabelo afundou

O cabelo está com porosidade alta e as cutículas não conseguem absorver os tratamento normalmente. Geralmente é a consequência da falta de queratina causada pela descoloração. Invista em uma aplicação de queratina para deixar os fios mais fortes.

2. Invista em um cronograma capilar

Depois de saber qual tratamento seu cabelo está precisando, invista em um cronograma capilar. O tratamento dura um mês e consiste em hidratar, nutrir e reconstruir o cabelo semanalmente em dias alternados. Para saber como fazer, clique aqui.

3. Não lave os cabelos todos os dias

Os cabelos descoloridos ou tingidos têm uma tendência a ficar mais ressecados por causa do processo químico. Mesmo que o cabelo seja oleoso, não é recomendado que se lave todos os dias, pois pode resultar em mais ressecamento.

4. Use produtos específicos para seu tipo de cabelo

Além de fazer o cronograma, é ideal que você use produtos específicos para o seu tipo de cabelo. Linhas como o Kit Platinum Blond Tutanat fazem toda a diferença na hora de manter o loiro.

Ele realça os tons prateados dos cabelos, através dos pigmentos violetas que atuam como agentes eliminadores dos reflexos amarelos.

5. Evite fontes de calor

O cabelo loiro é mais sensível, portanto, quanto mais fontes de calor você usar para finalizar, mais ele vai ficar quebradiço e desidratado. Assim como secador, chapinha e babyliss, a água muito quente no banho também prejudica ainda mais os fios.

6. Use protetor térmico

Caso não abra mão das fontes de calor na hora da finalização, vá de protetor térmico. O Liso Ostentação e o Vinagre de Maçã, por exemplo, são ótimas alternativas.

Guia para loiras: como recuperar cabelos danificados

7. Use óleos

Para manter o cabelo loiro nutrido, os óleos são essenciais. Caso queira aplicar antes da finalização com fonte de calor, tenha cuidado na hora de escolher o produto e fique atento ao fator de proteção. Alguns óleos não são recomendados para esse tipo de processo porque podem queimar o fio.

O ideal é aplicar após a chapinha ou secador, para reduzir o frizz e repor o óleo perdido com o aquecimento. Atenção que ele deve ser aplicado do comprimento às pontas. Evite a raiz. 

O Óleo de Argan Tutanat é ótimo para proteger o cabelo das fontes de calor e manter os fios sem frizz e nutridos.

8. Corte regularmente

Para manter o cabelo loiro saudável, é essencial visitar o salão de beleza para fazer a retirada das pontas ressecadas. Pelo menos uma vez a cada 4 meses retire as pontinhas para o cabelo crescer forte e saudável.

9. Aproveite para tratar o cabelo com o profissional

Já que você vai ao salão pelo menos uma vez a cada 4 meses, aproveite esse momento para fazer um tratamento mais profundo com o profissional. Ele vai saber os produtos certos para aplicar no fio, com um diagnóstico mais certeiro e um resultado eficiente.

10. Retoque no salão

Para não fazer besteira com o tom desejado ou com a química utilizada, é melhor retocar o loiro no salão. Seja mechas, descoloração ou tintura, é essencial que esses procedimentos sejam feitos pela mão de um profissional.

Conheça mais sobre o Kit Platinum Blond Tutanat:

E aí, loira? Já sabia de algumas dessas dicas? Tem alguma que não foi citada no post? Conta pra gente!

Loading Facebook Comments ...